Merchandising: três erros e acertos que você pode cometer

Neste artigo vamos conversar sobre três erros e três acertos que as pessoas cometem quando estão planejando seu merchandising e como isso pode afetar sua loja.

 

 

Merchandising é apresentar seus produtos no ponto de venda de forma estratégica. Tudo precisa ser planejado: o que, como e para quem. Que público você quer atingir? Qual produto você precisa vender?

 

O mershandising te ajuda com isso.

Afinal, é através dele que você entende a jornada de compra do seu consumidor e quais são seus desejos e necessidades. Dessa forma, o merchandising se apresenta como uma ferramenta para apresentar seus produtos disponíveis no ponto de venda de forma estratégica e planejada.

Não existe uma fórmula mágica para o visual merchandising, mas sim, algumas boas práticas que podem te ajudar.

Como começar o mershandising?

 

Se você quer aplicar o merchandising na sua loja, precisa entender como a ferramenta funciona e as etapas mais importantes desse processo. Algumas etapas básicas a serem seguidas são:

1. Defina o público-alvo

É claro que antes de qualquer ação de merchandising ou vendas, é necessário entender quem será o consumidor. Quem você deseja atingir com essa ação?

Pesquise, analise e revise, não comece um planejamento baseado em achismos.

Defina claramente o público e sua jornada, entendendo os padrões de consumo, seus hábitos, comportamentos e motivações. Assim, você terá em mãos, dados importantes para alcançar essas pessoas.

2. Defina seu objetivo 

Em seguida, compreenda o motivo pelo qual você quer realizar uma ação de merchandising. Delimite as metas que você deseja alcançar e qual seu principal objetivo com elas. Assim, saberá quais são os principais resultados que deve buscar.

3. Torne seu ponto de venda bonito e agradável

Como está a sua loja? Organizada, clean, planejada conforme o consumidor? Se não estiver, esse é o momento para repensar isso! Deixe sua vitrine espetacular e convidativa para o seu público-alvo, disponha produtos de forma agradável. Não deixe pilhas de produtos jogados uns sobre os outros.

O seu ponto de venda é onde acontecerá o merchandising, então aproveite para tornar sua imagem marcante!

4. Ofereça o seu diferencial 

O que você tem que os seus concorrentes não têm? Use e abuse destas informações ao fazer merchandising! Trate cada cliente como único e ofereça aquilo que você tem de melhor, seu produto e atendimento precisam mostrar a sua capacidade.

Quais são os três erros e três acertos que mais se cometem no mershandising?

Agora que você já sabe o que é merchandising e como ele funciona na prática, vamos entender alguns dos erros e acertos mais cometidos durante uma ação de merchandising:

Os três acertos no mershandising

1. Alteração do visual com frequência

No setor de moda, a novidade e as tendências são lei. Renovar a forma como seus produtos são exibidos é essencial para manter o desejo de compra dos consumidores. Convença-os de que sua loja é uma lançadora de tendências e ela sempre será a primeira a ser visitada.

2. Entender o estilo do negócio

Como comentamos anteriormente, o visual do seu ponto de venda é extremamente importante porque ele é o elo final de contato com o cliente. É ele que se comunica com o público, então precisa estar alinhado com o que você diz oferecer.

3. Pensar no cliente

Nós vamos bater nessa tecla até que isso esteja bem fixado na sua mente: entenda o seu consumidor e do que ele gosta. Quais são os produtos que eles mais desejam? Coloque na vitrine, torne aquele produto chamativo e convincente. Instigue o desejo visualmente.

Os três erros no mershandising

1. Apresentar o produto dobrado

Se o visual importa para o cliente, mostrar uma roupa dobrada, não vai gerar desejo. Roupas em cabides e manequins tornam-se mais atraentes, pois esse modo de arrumação permite ao cliente visualizar combinações com outras peças, aumentando assim, as chances de uma venda cruzada.

2. Não dispor as roupas de forma adequada nas araras

Quando falamos sobre a arrumação, precisamos ter muito cuidado com a disposição nas araras. A parte superior da arara deve estar sempre à mão do cliente e a parte inferior nunca deve permitir que o produto toque o chão. Isso também vale para prateleiras com produtos e objetos e decoração. Esse alinhamento deixa tudo mais bonito e fácil do cliente analisar.

3. Organizar o visual por apenas uma categoria de produto

Outro erro bem comum no merchandising de varejo é dividir a loja em apenas uma categoria de produtos. Isso reduz significativamente o percurso do cliente pela loja, eliminando qualquer possibilidade de uma venda cruzada. Estude psicologicamente o caminho que o cliente faz quando chega à sua loja e planeje a exibição estrategicamente.

Conclusão

Concluindo nosso artigo, esperamos que você tenha conseguido compreender o que é merchandising e como aplicá-lo na sua loja. Se quiser aprender mais, veja nosso artigo sobre como elaborar uma vitrine impactante!

 

Deixe seu comentário